quarta-feira, 31 de julho de 2019

O Encontro entre o Céu e a Terra



"Os problemas significativos com os quais nos deparamos não podem ser resolvidos no mesmo nível de pensamento em que estávamos quando eles foram criados." 
Albert Einstein


   Uma crescente onda de afeto ao planeta se espalha, dentro de cada cidadão que vibra dentro da consciência de justiça e de amor.
A Era do expurgo chegou! O planeta não aguenta mais a hostilidade e a inconsciência de seus habitantes. Para tudo no universo existe uma troca, é a lei da troca equivalente, mas ao que podemos perceber, nem todos vibram na troca do amor e da compaixão. Apesar da onda crescente de consciência ambiental que vem surgindo podemos observar as notícias: De um lado vulcões, tsunamis, terremotos, furacões, guerras, matanças e hostilidade. De outro a crescente onda para “reciclar o planeta”. Vemos ações globais acontecendo, educação ambiental e sustentabilidade, usinas e reciclagem para lixo, plantio de árvores, proibições de plásticos e poluentes, manifestações por todo o globo, leis para animais, desafios ambientais nas redes sociais, palestras sobre vários temas ambientais, empresas com impostos descontados em troca de ajudar nas ações de meio ambiente.


De um lado desmata, de outro planta-se árvores. Está chegando o tempo de escolher quem vai ficar no planeta. Quem iria ficar com a Terra?
Os justos, nobres de coração e alma, que amam o Planeta. Aqueles que terão uma consciência de luz maior em relação a maioria da massa habitante. Vendo isto mais ao modo simples; ativistas do meio ambiente por toda a Terra, Cuidadores, Médicos, Guardiões, não importa o nome que represente, são a luz.

A humanidade necessita com urgência acordar suas mentes adormecidas e perceber que tudo vem da Terra e a ela devemos agradecer nosso sustento e nossa sobrevivência. Seria muito triste ver um planeta paradisíaco ser sucumbido pelo caos. Não preciso explicar aqui o caos, se quiser ver ligue a televisão.

A onda de amor é uma palavra amiga, um animal resgatado, o plantio de uma árvore, um sorriso, um abraço, pode vir de muitas formas, inclusive com amor e a atenção ao meio ambiente como os simples gestos diários de educação ambiental.
Estamos na Era da Educação ambiental para obtermos a sustentabilidade e a permanência da vida humana e animal nos próximos séculos.
Muitas notícias de empreendimentos, projetos e salvação, agora precisamos ver que nós salvaremos a Terra, coletivamente.  Não espere um salvador, seja a própria salvação!

A justiça será feita pela própria Terra e meio ambiente. Apenas os justos poderão entender. Os ímpios não estarão aptos a sobreviver nesse solo.
Justo: Quem age ou vive seguindo as normas da justiça e da moral, honesto.
Ímpio: desumano, desnaturado, insensível, intolerável, pratica barbaridades, age cruelmente e tortura.

Projetos de leis, interdição aos ímpios, educação ambiental, desafios ambientais nas redes sociais, reciclagem, palestras em escolas, produtos biodegradáveis, limpeza nas praias, multas, descontaminação da água, preservação de nascentes, captações de água da chuva, uso consciente dos recursos naturais, plantio de florestas, ações de cidadania, de consciência e pensamento. Cada pequeno gesto a favor da terra e de si mesmo preparará a permanência do amor. Vibrar pela onda do amor, fazer, plantar e frutificar nessa Terra, seja o tipo de fruto que for.

O Caminho da consciência humana é transcender para a evolução, cada gesto, cada prática, cada entendimento gera a fonte de energia consciencial. Ao usar a capacidade mental nessa fonte, o ser humano se alinha a uma outra dimensão. A união ou encontro do céu com a terra. A Terra passará para a nova consciência, assim sutilmente sentiremos uma dimensão acima do que vivemos hoje. Uma dimensão que começa com a consciência. O princípio da consciência se manifesta na sensibilização ao meio ambiente e amor pela Terra. Para habitar um determinado local é necessário estar harmonizado, equilibrado na mesma vibração amplificadora.

Algumas ações simples do cotidiano são necessárias para a nova Terra sustentável. Se reparar, entre as notícias ruins e catastróficas onde a natureza foi mudada pelo homem, existem diversas ações humanas e da própria natureza apontando uma esperança de um futuro sustentável, onde homem, tecnologia e natureza vivem em paz. Tudo que temos hoje circulando pelo mundo, podemos reciclar, não é necessário tirar mais nada da natureza, se assim vivermos no equilíbrio e não na ganância.  
A palavra agora é “consciência” para seguir na ação, caso contrário viveremos no caos e dentro de um planeta lixeira que nós mesmos criamos ao longo dos tempos.

E você já fez alguma ação consciencial? O que você faz para melhorar a estada no planeta e das futuras civilizações? Pense nisso! Vamos fazer nossa parte antes que seja tarde, um simples gesto se for coletivo pode mudar o mundo. Seja a salvação, seja um salvador! Seja luz no mundo! Preserve a natureza o máximo que puder, nela tem para todos em abundância, é necessário o ser humano chegar a essa conclusão.

Se uma árvore der frutos, esses frutos alimentam o ser humano com fartura, os pássaros e animais, aduba a terra e ainda produz sementes para mais árvores. Pode-se vender, doar ou se alimentar. Na natureza não tem ganância, apenas na alma daquilo que deveria ser “humano”.

Faça esse momento ser a data limite. Limite de tudo que não presta. A partir de agora vamos reciclar, cuidar e amar esse planeta tão lindo antes que percamos nosso único bem; a vida.
Onde há água pura há vida!

Academia Ciência Estelar
Letícia de Castro 


O Encontro entre o Céu e a Terra

"Os problemas significativos com os quais nos deparamos não podem ser resolvidos no mesmo nível de pensamento em que estávamos quan...